SPACE ENSEMBLE




"As Aventuras do Príncipe Achmed”, um filme realizado em Berlim 1926, pela alemã Lotte Reiniger, que é considerada a primeira longa-metragem de animação.

“Uma obra-prima! Ela nasceu com mãos mágicas." - Jean Renoir

“Um incrível caleidoscópio animado!” – Wesley Morris, San Francisco Examiner

Através da técnica de silhuetas articuladas, a realizadora produziu mais de 70 filmes de animação, a maior parte dos quais se encontram perdidos.  
As Aventuras do Príncipe Achmed, tal como o resto da obra cinematográfica de Reiniger, é um jogo simples de luzes e sombras, um conceito surgido e popularizado na China, de onde são oriundas as famosas caixas de sombras.

As figura do filme, repleto de batalhas, comédia, romance, magia e confrontos com pequenos demónios, foram recortadas e manipuladas à luz da câmara pela realizadora. Lotte Reiniger trabalhava em conjunto com o marido, Carl Koch, e ambos se identificavam com os ideais e políticas de esquerda, desprezando a ascensão do nazismo, pelo que muitas das suas longas-metragens foram censuradas durante o período de lançamento.  

Neste espectáculo a projecção do filme é acompanhada ao vivo pela música do Space Ensemble (no original, a banda sonora foi composta por Wolfgang Zeller), uma "formação orgânica e mutante" que adequa e varia combinações instrumentais e estilísticas de acordo com os eventos em que participa.

Um espectáculo que o Space Ensemble estreou na edição de 2005 do Space Festival, e que tem vindo a apresentar nas principais salas do nosso país, com múltiplas formações e direcções musicais.

Este espectáculo resultou de uma parceria com o Cine-Clube de Avanca.



Espectáculo já apresentado em: Casa da Música - Porto, Cinema Passos Manuel - Porto, Centro Cultural Vila Flôr - Guimarães, Theatro Esther de Carvalho - Montemor-o-Velho, Claustros da Biblioteca - Portalegre, Cine Teatro de Estareja, Teatro José Lúcio da Silva - Leiria, Centro de Artes do Espectáculo de Portalegre.




Cargo Collective 2017 — Frogtown, Los Angeles